Arquivo para maio, 2010

Cultura em Xeque?

Posted in Uncategorized with tags , , , , , on maio 28, 2010 by Roger Deff

Um dos mais importantes projetos para o fomento da música no Estado corre o sério risco de não ter continuidade em 2010. Estou falando especificamente do Música Minas, projeto que está incluído dentro do Mais Cultura ao lado de 300 pontos de Cultura. A razão é uma interpretação da resolução 23.089 do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) que proíbe o repasse de dinheiro público para entidades não governamentais em períodos eleição.

O Música Minas constitui um avanço significativo para o setor musical mineiro e representa um fato inédito na história das políticas culturais: “Dinheiro público administrado diretamente pela sociedade civil”, como o músico Makelly Ka expressou muito bem.

O programa é o resultado direto das articulações do Fórum da Música, entidade civil formada por organizações ligadas à produção musical em Minas Gerais. Em sua primeira edição (2009) conseguiu injetar mais de R$ R$ 1.550.000,00 (um milhão quinhentos e cinqüenta mil reais) no setor, verba que possibilitou, a circulação de 25 artistas mineiros para outros estados e países, além de oficinas culturais oferecidas pelos próprios artistas contemplados pelo programa.

Na segunda feira, dia 26 de maio, representantes destes e outros grupos estiveram presentes em uma assembléia que contou com a presença do atual Secretário de Estado de Cultura, Washington Mello, que se mostrou aberto ao diálogo mas logo no início reafirmou a posição da Advocacia Geral do Estado (AGE) em não renovar o convênio com o programa em 2010.

A situação é delicada: O governo do Estado de Minas Gerais, de acordo com as palavras do então Secretário de Estado da Cultura, Paulo Brant, garantiu que haveria continuidade do projeto, inclusive com aumento de verba. A partir deste pressuposto o Fórum da Música firmou acordos de intercâmbio de artistas mineiros em festivais e feiras na Europa em 2010. O atual impasse põe a perder todo um processo de negociação e os resultados positivos gerados pelo programa em 2009.

Entre as decisões importantes do dia 26, está uma manifestação que será realizada no Hall do Palácio das Artes, na segunda-feira, dia 31, a partir das 19:00, com a presença de músicos e produtores. O encontro está aberta à participação da sociedade civil em geral.

A maneira como as entidades, grupos, produtores e artistas reagiram têm sido exemplar. Ações organizadas mostram a força do setor em Minas, independente de qualquer divergência ideológica, coisas que devem sempre estar de lado quando o interesse comum fala mais alto.Verdadeiro exercício de cidadania.  Ao que tudo indica o imbróglio caminha para uma resolução aceitável.  Nos vemos na segunda.

Anúncios

Ed Motta e KL jay em homenagem ao mestre Stevie Wonder

Posted in Uncategorized with tags , , , , on maio 26, 2010 by Roger Deff

Vi este vídeo fantástco no blog do projeto Black Broder, não resisti e postei nas páginas do Julgamento também.

Dois monstros sagrados da nossa música (KL Jay e Ed Motta) homenageiam os 60 anos do soul man Stevie Wonder.

Fotos do Festival Casa de Marimbondo

Posted in Uncategorized on maio 25, 2010 by Gusmão

No último sábado, dia 21 de maio, o Julgamento tocou no festival Casa de Marimbondo, realizado no Lapa Multshow. O evento contou com bandas como o 4instrumental, Capim Seco e Mestre Jonas. Uma verdadeira feijoada musical, no melhor sentido da coisa.

Vão aí algumas fotos do show do Julgamento:

E como já é de praxe, os créditos das fotos vão pro broda Marco Aurélio Prates.

No Foco do CAOS – Edição especial

Posted in Uncategorized with tags , , on maio 24, 2010 by Roger Deff

O nosso primeiro álbum lançado em 2008, No Foco do CAOS, ganhou novas cópias em capa diferente. Quem assina a nova arte é Andréia Alvarez.

Estamos chamando de “Edição especial” por causa das mudanças no aspecto gráfico e pelo fato de mais pessoas terem acesso às versões físicas deste disco tão significativo para a história do Julgamento.

Vamos disponibilizar  cópias no Uzina das Letras e elas também  podem ser adquiridas através do e-mail: julgamentobh@gmail.com.

O download do álbum está liberado, totalmente gratuito aqui.

Registrando o Show no cidade Hip-Hop

Posted in Uncategorized with tags , , , on maio 21, 2010 by Roger Deff

Como prometido segue o post do nosso show. Imagens do eterno brother “Marcão” Aurélio Prates e um link para o comentário feito pelo parceiro de sempre DJ Yuga do Black Sonora. Só clicar aqui.

Começamos a apresentação com a presença especial de Kiko Ianni e sua impressionante  guitarra flamenca.

Muito bom tocar para o público do hip-hop e receber o carinho e o respeito de volta. Isso sem falar nos ótimos shows do Actitud Maria Marta e do Kontrast!

Esperamos por mais Cidade Hip-Hop em 2011!

Casa de Marimbondo: festival reúne bandas no Lapa Multshow

Posted in Uncategorized on maio 19, 2010 by Roger Deff

Nesta sexta (21 de maio) o Julgamento se apresenta no Festival Casa de Marimbondo, ao lado de Mestre Jonas, 4Instrumental , Capim Seco e DJ Yuga.

Esperamos vocês lá.

LAPA MULTSHOW:

Rua Álvares Maciel, 312
Santa Efigênia, BH/MG
CEP: 30150-250
Fone: (31) 3241-2074

“A cidade é o hip-hop e o hip-hop é a cidade”

Posted in Uncategorized with tags , , , , , , on maio 17, 2010 by Roger Deff

Discutindo a relação de BH com a cultura de rua

Ter participado de um evento como o Cidade Hip-Hop é algo que, como eu disse no show de ontem, nos deixa felizes e orgulhosos. Felizes por perceber que a chama desta cultura tão importante para a nossa formação permanece cada vez mais viva, representada por uma nova geração de mcs, b.boys, grafiteiros e DJs. Orgulhosos por poder olhar para trás e ver nossa contribuição, mesmo que modesta, para a continuidade desta história.

“A cidade é o hip-hop e o hip-hop é a cidade” frase emblemática que traduz perfeitamente o papel e a importância do hip-hop na cultura urbana contemporânea. O projeto (Cidade Hip-Hop) traz à tona debates  importantes que refletem o atual status do movimento em Belo Horizonte, Brasil afora e no exterior. Discussões enriquecidas pelos pontos de vista diversos de figuras como Malena (Actitude Maria Marta – Argentina), Japão (Viela 17 – DF), Renegado (MG) e eu, que tive a satisfação de participar de uma destas conversas.

O Cidade Hip-Hop teve o mérito (dentre vários outros) de agregar indivíduos e entidades de épocas distintas do hip-hop belo-horizontino como EvandroMC (ex- Black Soul), Roger Dee, Eazy (CDA/ A corja), pessoal do Duelo de Mcs, NUC  e outras figuras.

Os shows trouxeram um pouco das várias possibilidades de construção musical do rap com representantes do gênero como o  Záfrica Brasil, Retrato Radical, Kontrast, Renegado, Acitud Maria Marta e Julgamento (em breve post exclusivo sobre o show).

Talvez seja difícil mensurar a real importância do Cidade Hip-hop  agora, já que ainda estamos no “olho do furacão” e os resultados só poderão ser avaliados com segurança no futuro, mas já podemos afirmar que é um evento ímpar para a história da cultura de rua na cidade, um momento de celebração do trabalho conjunto de diversas pessoas, muitas vezes anônimas. Momento de reflexão sobre uma cultura tão presente e ao mesmo tempo tão marginalizada.

Parabéns a todos os envolvidos (Romulo, Roberto, Fred, Bomb e cia) e muito obrigado a quem pôde comparecer aos shows e demais atividades do Cidade Hip-Hop.

To be continued…

Roger Deff